<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d32597565\x26blogName\x3dProsavulsa\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dTAN\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://prosavulsa.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_BR\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://prosavulsa.blogspot.com/\x26vt\x3d8678557149260499783', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script> Prosavulsa

sábado, fevereiro 24, 2007

Rumor Perene

Não falo enquanto homem, falo
não falo enquanto mulher, é
nem falo enquanto fino grosso gasto
nem enquanto planta anta animal irracional ou mineral, não falo
enquanto negro, branco ou azulado, pardo
não falo, enquanto hetero, também não falo
enquanto homo, trans, bípede-quadrúpede, falso magro, não
não falo

{a voz do mundo é urgente,
mas fala macio ao coração carente}

Fala enquanto ser, o poeta: vegetalanimalhumanomineral
fala enquanto água, vento, terra, fogo

{a voz da existência, que não cessa
rumor lento e sem pressa}

É vasto, o poeta, e diante das cousas (mesmo poucas)
do mundo, não pára, não cala,
fala

Marcadores: